segunda-feira, 30 de junho de 2008

Pra Refletir...

1. Amigo é quem te socorre, não quem tem pena de ti. (Thomas Fuller)

2. “O carinho é responsável por nove-décimos de qualquer felicidade sólida e durável existente em nossas vidas.” (C. S. Lewis)

3. Há duas fontes perenes de alegria pura: o bem realizado e o dever cumprido. (Eduardo Girão)

4. As paixões são como as ventanias que incham as velas do navio. Algumas vezes o afundam, mas sem elas não se pode navegar. (Voltaire)

5. Perdoamos facilmente em nossos amigos os defeitos em que nada nos afetam. (Francois de la Rochefoucauld)

6. Um amigo verdadeiro é alguém que pensa que você é um ovo bom mesmo que saiba que você é ligeiramente rachado. (Bernard Meltzer)

7. A Bíblia ensina amar nossos inimigos como se fossem nossos amigos, possívelmente porque sejam mesmo.

BRANDIÃO

quinta-feira, 26 de junho de 2008

O lado negativo do Etanol Brasileiro

“Esclavos" en planta de etanol
Grupo COSAN es el tercer productor de bíocombustiles

Un grupo especial de combate al trabajo esclavo en Brasil denunció las "condiciones degradantes" en que se encuentran peones de haciendas del grupo Cosan, el mayor productor de etanol de caña del mundo.

El Grupo Móvil de Fiscalización del Trabajo Esclavo realizó una operación en el interior del estado de Sao Paulo y constató varias irregularidades. "Las peores condiciones de trabajo registradas este año de 2008 en los cultivos de caña fueron constatadas en la zona de Piracicaba, donde domina el Grupo Cosan", afirmó la Procuraduría.

Cosan está formada por capitales brasileños e internacionales y el 32% de sus acciones se cotizan en la bolsa de valores de Sao Paulo, en el segmento de Nuevos Mercados, de empresas que se supone mantienen la mayor transparencia y responsabilidad social.

Diario La República

Como as Árvores

Uma árvore não fica de costas para ninguém.
Dê a volta em torno dela ,
e a árvore estará sempre de frente para você...
OS VERDADEIROS AMIGOS TAMBÉM...

Dizem os chineses:
árvore plantada com amor, nenhum vento derruba!
UMA VERDADEIRA AMIZADE, TAMBÉM!

Quem planta árvores, cria raízes.
Quem cultiva bons amigos, também!
As árvores, como os amigos,
produzem beleza para os olhos e os ouvidos,
na mudança sutil de suas cores.

A árvore é sombra protetora, como os amigos;
sombra que varia com o dia, que avança
e faz variados rendados de luz semelhantes à estrelas...

As árvores são sinônimo de eternidade...
...e uma verdadeira amizade também é para sempre!!

BRANDIÃO

Faz Sentido...

Estudo relaciona descrença religiosa a QI alto

Um artigo de pesquisadores europeus, que será publicado na revista acadêmica Intelligence em setembro, defende a tese de que pessoas com QI (Quociente de Inteligência) mais alto são menos propensas a ter crenças religiosas.

O texto é assinado por Richard Lynn, professor de psicologia da Universidade do Ulster, na Irlanda do Norte, em parceria com Helmuth Nyborg, da Universidade de Aarhus, na Dinamarca, e John Harvey, sem afiliação universitária.

Lynn é autor de outras pesquisas polêmicas, entre elas uma sugerindo que os homens são mais inteligentes do que as mulheres.

A conclusão é baseada na compilação de pesquisas anteriores que mostram uma relação entre QIs altos e baixa religiosidade e em dois estudos originais.

Em um desses estudos, os autores compararam a média de QI com religiosidade entre países.

No outro estudo, eles cruzaram os resultados de jovens americanos em um teste alternativo de habilidade intelectual (fator g) com o grau de religiosidade deles.

Na pesquisa entre países, os pesquisadores analisaram média de QI com o de religiosidade em 137 países. Os dados foram coletados em levantamentos anteriores.

Os autores concluíram que em apenas 23 dos 137 países a porcentagem da população que não acredita em Deus passa dos 20% e que esses países são, na maioria, os que apresentam índices de QI altos.

Exceções

Os pesquisadores dividiram os países em dois grupos.

No primeiro grupo, foram colocados os países cujas médias de QI são mais baixos, variando de 64 a 86 pontos. Nesse grupo, uma média de apenas 1,95% da população não acredita em Deus.

No segundo grupo, onde a média de QI era de 87 a 108, uma média de 16,99% da população não acredita em Deus.

Os autores argumentam que há algumas exceções para a conclusão de que QI alto equivale a altas taxas de ateísmo.

Eles citam, por exemplo, os casos de Cuba (QI de 85 e cerca de 40% de descrentes) e Vietnã (QI de 94 e taxa de ateísmo de 81%), onde há uma porcentagem de pessoas que não acreditam em Deus maior do que a de países com QI médio semelhante.

Uma possível explicação estaria, segundo os autores, no fato de que "esses países são comunistas nos quais houve uma forte propaganda ateísta contra a crença religiosa".

Outra exceção seriam os Estados Unidos, onde a média de QI é considerada alta (98), mas apenas 10,5% dizem não acreditar em Deus, uma taxa bem mais baixa do que a registrada no noroeste e na região central da Europa – onde há altos índices médios de QI e de ateísmo.

Lynn diz que uma explicação para o quadro verificado nos Estados Unidos pode estar no fato de que "há um grande influxo de imigrantes de países católicos, como México, o que ajuda a manter índices altos de religiosidade".

Mas ele reconhece que mesmo grupos que emigraram para os Estados Unidos há muito tempo tendem a ter crenças religiosas fortes e diz que, simplesmente, não consegue explicar a realidade americana.

Generalização

Os autores argumentam que essa relação entre QI e descrença religiosa vem sendo demonstrada em várias pesquisas na Europa e nos Estados Unidos desde a primeira metade do século passado.

Eles citam, também, uma pesquisa de 1998 que mostrou que apenas 7% dos integrantes da Academia Nacional Americana de Ciências acreditavam em Deus, comparados com 90% da população em geral.

Lynn admitiu à BBC Brasil que os resultados apontam para uma "generalização" e que há pessoas com QI alto que têm crenças religiosas fortes.

Segundo ele, há vários fatores, como influência familiar ou pressão social, que influenciam a religiosidade das pessoas.

"Nós temos que diferenciar a situação hoje com outros períodos da história. As pessoas tendem a adotar uma atitude de acordo com a sociedade em que vivem. Hoje em dia, na Grã-Bretanha e em outros países europeus, não há tanta pressão da sociedade para que você acredite em Deus", afirma.

Uma das hipóteses que o estudo levanta para tentar explicar a correlação entre QI e religiosidade é a teoria de que pessoas mais inteligentes são mais propensas a questionar dogmas religiosos "irracionais".

Dúvidas

O professor de psicologia da London School of Economics, Andy Wells, porém, levanta questões sobre a tese.

"A conclusão do professor Lynn é de que um QI alto leva à falta de religiosidade, mas eu acredito que é muito difícil ter certeza disso", afirma.

De acordo com Wells, vários estudos já demonstraram que pessoas com níveis de QI altos tendem a ter níveis de educação mais altos.

"E quanto mais educação as pessoas têm, é mais provável que elas tenham acesso a teorias alternativas de criação do mundo, por exemplo", afirma Wells.

O jornal de psicologia Intelligence, publicado na Grã-Bretanha, traz pesquisas originais, estudos teóricos e críticas de estudos que "contribuam para o entendimento da inteligência". Acadêmicos de universidades de vários países fazem parte da diretoria editorial.

BBC Brasil

Falta do que fazer

Evangélicos invadem Congresso contra projeto que criminaliza homofobia

Um grupo de evangélicos tentou invadir o Congresso Nacional nesta quarta-feira em protesto contra a aprovação do projeto que criminaliza a homofobia (discriminação contra homossexuais) no país. Cerca de mil evangélicos fizeram uma manifestação em frente à sede do Legislativo para evitar a votação do projeto. Os manifestantes querem ter o direito de criticar a homossexualidade, sem punições estabelecidas na legislação.

O projeto está em discussão na CAS (Comissão de Assuntos Sociais) do Senado, sem previsão de entrar na pauta de votações do plenário. "Achamos que o problema da discriminação não atinge só os homossexuais, mas também os negros, as mulheres, até mesmo nós evangélicos. O projeto de lei dá poderes ditatoriais a uma minoria. Se um funcionário for dispensado de uma empresa, por exemplo, pode alegar homofobia e o dono da empresa vai ser preso por crime hediondo, inafiançável. Queremos trazer um projeto para proteger todas as minorias", disse o deputado Rodovalho (DEM-DF), da Igreja Sara Nossa Terra.

Parte dos manifestantes pressionou seguranças do Senado para ingressarem na Casa. Houve empurra-empurra e princípio de tumulto em frente à entrada principal do Legislativo. O grupo fez orações contra a aprovação do projeto, conduzidos pelo pastor Jabes de Alencar, da Assembléia de Deus.

"Senhor, sabemos que há uma maquinação para que esse país seja transformado numa Sodoma e Gomorra [cidades bíblicas que teriam sido destruídas pelos excessos cometidos por seus moradores]. Um projeto desses vai abrir as portas do inferno", disse o pastor.

Alguns dos manifestantes conseguiram ingressar no Senado e foram recebidos na presidência pelo senador Magno Malta (PR-ES). Evangélico, Malta ocupa interinamente a presidência uma vez que o senador Garibaldi Alves (PMDB-RN) está fora de Brasília. O pastor Silas Malafaia, da Assembléia de Deus, entregou um documento para Malta contra a aprovação do projeto. "Esse projeto de livre expressão sexual abre as portas para a pedofilia. É uma afronta à Constituição e à família", disse o pastor.

O deputado Miguel Martini (PHS-MG), que integra a frente parlamentar em defesa da família e da vida, disse que o projeto quer "calar a boca" dos cristãos contrários à homossexualidade. "Nós amamos os homossexuais, porque são nossos irmãos, mas não amamos o "homossexualismo'. É um grande combate que estamos enfrentando entre luz e trevas. Não aceitamos discriminação de ninguém, mas não aceitamos sermos discriminados em nossas convicções religiosas."

Críticas

Relatora do projeto no Senado, a senadora Fátima Cleide (PT-RO) criticou a mobilização dos evangélicos contrário à criminalização da homofobia. "Infelizmente alguns religiosos utilizam discurso político para tentar ludibriar as pessoas crentes e tementes a Deus. Há que se observar aí mais uma postura de intolerância, pois em qualquer religião há diversidade dos seres humanos", afirmou.

O projeto, de autoria da ex-deputada Iara Bernardi (PT-SP), considera crime o preconceito de gênero, sexo, orientação sexual e identidade de gênero. O texto foi aprovado pela Câmara no ano passado e tramita no Senado.

Folha Online

Será que os evangélicos não tem uma roupa pra lavar??? Existem coisas mais importantes pra eles se preocuparem, como por exemplo, a lavagem de dinheiro existente dentro das igrejas evangélicas. Isso sim, é um assunto importante que precisa ser manifestado urgentemente.

Chegou a hora de Privatizar!

Cabral pede a Lula para administrar aeroporto Tom Jobim

O governador Sérgio Cabral propôs ao presidente Luiz Inácio Lula da Silva nesta quarta-feira que a administração do Aeroporto Internacional Tom Jobim, na Ilha do Governador, e do Porto do Rio, no Centro da cidade, passe para o governo estadual que, em parceria com a iniciativa privada, promoveria as reformas urgentes e necessárias nesses dois terminais.

Segundo ele, o presidente da República recebeu a proposta favoravelmente, mas ainda não deu uma resposta. "Ele está desejoso, mas age com a cautela necessária, pois como presidente tem de ouvir todos os lados. Convidaríamos uma empresa privada para administrar os terminais. Com a Infraero não sai nada", comentou Cabral.

De acordo com Cabral, em recente viagem de uma missão empresarial do estado à Alemanha sob sua liderança, a empresa alemã Fraport manifestou interesse em assumir a administração do Tom Jobim. Cabral disse que vai encaminhar à ministra da Casa Civil, Dilma Rousseff, o desejo da empresa...

O Dia Online

A Infraero cobra a tarifa de embarque mais cara do mundo, porém, este dinheiro não é revertido integralmente em investimento de infra-estrutura aeroportuária. A estatal não tem capacidade de "tocar o barco", chegou a hora da inciativa privada administrar e acabar com a bagunça.

quarta-feira, 25 de junho de 2008

Comunista Brasileiro

Fidel se rende ao Capitalismo

Fidel Castro diz apoiar políticas de Raúl para melhorar situação de Cuba

O ex-ditador cubano Fidel Castro disse hoje a um líder comunista chinês que apóia os "esforços" de seu irmão mais novo e líder de Cuba, Raúl, para aumentar a produtividade do trabalho, da economia e da produção agrícola, segundo comunicado oficial.

"Fidel avaliou os esforços da direção da revolução e, particularmente, do companheiro Raúl quanto à unidade, à produtividade do trabalho, ao aumento da produção agrícola e à economia, que são de grande importância", diz a nota divulgada pelo governo da ilha.

No sábado, no segundo de três artigos nos quais criticou a União Européia depois de esse bloco ter retirado as sanções impostas ao governo cubano em 2003, Fidel afirmou que não lidera uma "facção ou grupo" e que não existe uma divisão no Partido Comunista de Cuba.

O líder revolucionário, que completará 82 anos em 13 de agosto, se reuniu hoje com o secretário de Controle Disciplinar do Comitê Central do Partido Comunista da China, He Guoqiang, a quem disse que atualmente se dedica, sobretudo, a recolher informações, frisa o comunicado.

"O que eu faço? Coopero reunindo notícias e dados, fazendo análises sobre os problemas internacionais mais agudos, as quais forneço à direção do Partido e do Estado", comentou ao visitante, segundo o relato oficial.

"Disponho de tempo para recolher grande quantidade de informação, atividade à qual dedico quase todas as horas do dia", acrescentou o ex-líder, que continua sendo o primeiro-secretário do Partido Comunista, o único permitido na ilha.

O dirigente chinês é o quinto estrangeiro a ser recebido por Fidel Castro este ano e o único que não é chefe de Estado, depois dos presidentes latino-americanos Luiz Inácio Lula de Silva (Brasil), Hugo Chávez (Venezuela), Evo Morales (Bolívia) e Tabaré Vázquez (Uruguai).

Folha Online

Cuba dando tchau ao Comunismo

Só agora???

Governo tenta reduzir tarifas abusivas de telefonia celular

O Ministério das Comunicações deve entregar ao Planalto um estudo para tentar reduzir os custos das contas de celular. Em comparação às tarifas ao redor do mundo, a pesquisa concluiu que o brasileiro paga muito caro pelas ligações, principalmente entre operadoras de telefonia diferentes. O ministro das Comunicações, Hélio Costa, argumenta que o Governo não pretende trazer prejuízos para as empresas, mas defende que estas comparações devem ser feitas, ainda mais por as disparidades serem tão gritantes.

BandNews FM


Isso já deveria ter sido feito há muito tempo. É só reduzir os impostos cobrados sobre a conta de telefone. Um levantamento do Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) informa que de cada dez reais pagos pelos usuários brasileiros na conta de telefone, no mínimo quatro reais vão diretamente para o pagamento de impostos. Segundo o Instituto, as principais incidências sobre a conta telefônica são o Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), o Programa de Integração Social (PIS) e a Contribuição para o Financiamento da Seguridade Social (Cofins). O valor dessas taxas representa para o usuário de 25% a 35% da conta telefônica, de acordo com a região.

Em Rondônia, estado onde a alíquota de ICMS é a maior no Brasil, a tributação resulta efetivamente em uma cobrança de 63%. Naquele Estado, de cada dez reais que o consumidor gasta na conta telefônica cerca seis reais vão para os cofres de diferentes governos, principalmente o estadual. Em estados brasileiros como São Paulo e Santa Catarina a tributação paga pelos assinantes é de 40,15%.

O Ipea ainda chama atenção para o fato de que quando um cliente vê uma alíquota de 25% em sua conta telefônica, na verdade a alíquota efetiva é muito superior. No Distrito Federal, por exemplo, com uma alíquota de 25% de ICMS mais os 3,65% de PIS e Cofins, temos uma tributação efetiva de 40,15%.

Uma forma de reduzir os valores pagos nas contas telefônicas, segundo o Instituto, é a mobilização do consumidor contra a carga tributária. No Rio Grande do Sul, por exemplo, uma associação de classe média criou outdoors com as fotos e nomes dos deputados que votaram pelo aumento das alíquotas de ICMS. Em países como a Coréia e os Estados Unidos a tributação é de 10%.

As Melhores e Piores Corporações

Top 10 Best and Worst Reputations In Corporate America

The results of the Harris Interactive survey that tracks the reputations of the 60 most visible companies in America has been released and here they are: Google is tops and Halliburton is not. Not shocking, but there are some interesting findings. Honda is the only car company to make the top 10, and Comcast, Sprint and Northwest Airlines are the least well-regarded in their respective industries.

As melhores

1) Google
2) Johnson & Johnson
3) Intel
4) General Mills
5) Kraft
6) Berkshire Hathaway
7) 3M
8) Coca-Cola
9) Honda
10) Microsoft

As piores

10) DaimlerChrysler
9) General Motors Corporation
8) ChevronTexaco Corporation
7) Ford
6) Sprint
5) Comcast
4) Exxon
3) Northwest Airlines
2) Citgo
1) Halliburton

As maiores variações:

1) Bank of America
2) Halliburton
3) Wal-Mart
4) Sears
5) Nike


The Consumerist

Pra Refletir...

Se dois indivíduos estão sempre de acordo em tudo, posso assegurar que um dos dois pensa por ambos.
Se quiseres poder suportar a vida, fica pronto para aceitar a morte.
Somos feitos de carne, mas temos que viver como se fossemos feitos de ferro.
Toda anedota, no fundo, encobre uma verdade.
Todos os sonhos têm o sonhador como centro. Os sonhos são absolutamente egoístas.
Um homem que está livre da religião tem uma oportunidade melhor de viver uma vida mais normal e completa.
É escusado sonhar que se bebe; quando a sede aperta, é preciso acordar para beber.
É quase impossível conciliar as exigências do instinto sexual com as da civilização.

Sigmund Freud

Exemplo de Primeira Dama


Ruth Vilaça Correia Leite Cardoso nascida em Araraquara, 19 de setembro de 1930 — São Paulo, foi uma antropóloga brasileira, professora da Universidade de São Paulo. Era casada com Fernando Henrique Cardoso, ex-presidente do Brasil. Durante o mandato do marido, fundou e presidiu o Comunidade Solidária, atual Comunitas, organização responsável por programas sociais e de voluntariado. Morreu no dia 24 de junho de 2008, em sua residência, em decorrência de problemas cardíacos, um dia após realizar cateterismo cardíaco e receber alta hospitalar.

terça-feira, 24 de junho de 2008

Tem muita gente incomodada com o Secretário

Instituto Carlos Éboli solicita amostras do café que tinha vidro moído ao fabricante e ao TCM

O Instituto de Criminalística Carlos Éboli (ICCE) solicitou que a empresa mineira Kardu Alimentos Ltda fornecedora do café consumido pela Secretaria de Segurança encaminhe para análise mais amostras do mesmo lote em que foi encontrado vidro moído, areia, gravetos.

A denúncia foi feita pelo jornalista Fernando Molica, na edição de hoje do Informe do Dia. Molica anunciou com exclusividade que peritos do Instituto de Criminalística Carlos Éboli encontraram vidro moído na borra do café servido no gabinete do secretário de Segurança, José Mariano Beltrame. O exame foi pedido pelo próprio secretário, irritado com a má qualidade do cafezinho.

O ICCE já encaminhou ofício ao Tribunal de Contas do Município, que adquiriu a mesma marca do produto - também por licitação. O TCM já enviou um pacote fechado, que será analisado pelo Ministério da Agricultura e confrontado com o pó do café usado pela Secretaria de Segurança.

Como o Informe do Dia já tinha anunciado, a diretora do ICCE, Martha de Souza Pereira, também determinou que os exames verifiquem se há substâncias tóxicas no café — ou seja, veneno.

A licitação para a compra do café que está sendo servido na Secretaria foi feita em agosto de 2007 e foi comprado por R$ 6.796,80. São entregues cerca de 80 quilos de café por mês. Pelas regras do pregão eletrônico, a Secretaria é obrigada a comprar o café pelo preço mais baixo.

A subsecretaria de Gestão Estratégica já iniciou procedimento administrativo para retirar a Kardu da lista de fornecedores.

O Dia Online

E viva o Beltrame

Recesso Parlamentar

Havana, Cuba 1930s

Reparem como a cidade era bonita e desenvolvida antes do Partido Comunista de Cuba tomar o poder.

É pura verdade...

O POPULISMO DERRENTENDO NA AMÉRICA LATINA!

Primeiro foi Chávez, perdendo o plebiscito que ele mesmo preparou. Agora Morales que vai perdendo plebiscito a plebiscito nos estados do sudeste da Bolívia. Agora é Rafael Corrêa do Equador. Quer porque quer uma constituição de afogadilho para ter direito a reeleição. O presidente da Constituinte não aceitou e rompeu com ele. Aguardam-se os próximos passos.
Cesar Maia

Era melhor ter ficado calado!!!

Alencar defende reajuste de Bolsa Família, mas critica aumento atrelado à inflação

O vice-presidente José Alencar defendeu nesta terça-feira o reajuste nos benefícios pagos pelo Bolsa Família, mas criticou que o aumento seja atrelado à inflação.

"Temos que evitar indexar a economia. Um dos fatores mais preponderantes no combate à inflação foi o fim da indexação. Não há razão para que venham esses índices. Não devemos voltar praticar a indexação", enfatizou.

Na opinião de Alencar, corrigir o Bolsa Família pelos índices inflacionários "não corrige os malefícios da inflação".

"Mais importante do que o reajuste é evitar a volta da inflação. Quem tem renda fixa, sofre mais com o aumento do custo de vida. É preciso que o governo esteja atento para evitar a inflação", disse o vice-presidente.

Folha Online

Se o Bolsa Família não ficar atrelado à inflação, então vai se basear em que na hora de reajustar? O problema é que a inflação está crescendo mais do que o governo esperava, e o "vale lula" tem que acompanhar este crescimento, não pode ficar defasado, a população das camadas D e E são as mais sensíveis aos reajustes dos preços dos alimentos.

O Vice-Presidente defecou pela boca!!!

Projeto Assistencialista

Dilma e as Farc

Em minha última coluna, informei que a mulher de Olivério Medina, o representante das Farc no Brasil, foi contratada pelo governo Lula. Isso aconteceu em dezembro de 2006, quando o marido dela ainda estava preso em Brasília, à espera do julgamento no STF. Uma reportagem do jornal Gazeta do Povo mostrou que a mulher de Olivério Medina foi cedida pelo governo do Paraná a pedido de Dilma Rousseff. Epa, epa, epa! Pode repetir? Posso sim. Com prazer. De acordo com um documento reproduzido pela Gazeta do Povo, e que pode ser acessado aqui, Dilma Rousseff requisitou pessoalmente ao governador do Paraná a transferência da mulher do preso das Farc. Uma dúvida: a ministra da Casa Civil demonstra esse mesmo interesse por todos os servidores de terceiro escalão?

O deputado Rodrigo Maia pediu esclarecimentos sobre o caso. O senador Arthur Virgílio, por sua vez, encaminhou um requerimento ao Ministério da Pesca. Até agora, o governo Lula só emitiu uma nota sobre o assunto, prometendo me processar. É a escala de valores dessa gente: Olivério Medina - "el Pancho" - solto, e Diogo Mainardi - "o Pança" - condenado. Em sua nota, a assessoria de imprensa do Ministério da Pesca confirmou todos os dados relatados em minha coluna. Negou apenas que pudesse haver um elo entre o governo e as Farc. Eu ficaria muito surpreso se alguém admitisse o contrário.

O Brasil tem 50.000 assassinatos por ano. Isso é o que importa quando se trata das Farc. Ignore a retórica esquerdista. Ignore a mística guerrilheira. Concentre-se no essencial. E o essencial é o tráfico de drogas. O Brasil é um grande mercado consumidor das drogas produzidas nos territórios dominados pelas Farc. O Brasil é também um grande entreposto para o seu comércio internacional. O lulismo tenta passar a idéia de que as Farc dizem respeito apenas à Colômbia. E, marginalmente, à Venezuela e ao Equador. Mentira. O Brasil entra na guerra com sua monumental cota de assassinatos relacionados com o consumo e com o tráfico de drogas, e com todos os crimes que podem ser associados a eles: assaltos, contrabando de armas, jogo ilegal, lavagem de dinheiro. Cada um de nós, indiretamente, já foi assaltado pelas Farc. Cada um de nós conhece alguém que foi assassinado pelas Farc.

Minha pergunta é a seguinte: um governo que contrata a mulher de um membro das Farc, com a ajuda direta da ministra da Casa Civil, em documento assinado por ela, demonstra estar solidamente empenhado no combate ao tráfico de drogas? Aguardo a resposta. O crime organizado contamina a política. Há uma série de sinais nesse sentido, do caso do ex-secretário de segurança do Rio de Janeiro, que acaba de ser preso, aos atentados do PCC na última campanha presidencial, que afundaram a candidatura de Geraldo Alckmin; dos inquéritos sobre os perueiros, na campanha à prefeitura paulistana, ao pedido de propina de Waldomiro Diniz ao dono de um bingo. O governo Lula considera perfeitamente legítimo contratar, para um cargo de confiança, a mulher de um criminoso internacional preso por pertencer a um grupo que pratica o terrorismo e o tráfico de drogas. Eu respondo lembrando os 50.000 assassinatos por ano. Sabe como é: na guerra entre os traficantes de drogas e a lei, os mortos escolheram o lado errado.

Diogo Mainardi


Veja Também:
A Casa está caindo...

Explica direito Dilma Rousseff
Bolívia x Brasil

Nova Iguaçu entregue as baratas...

MP denuncia prefeito de Nova Iguaçu e mais 7 por suposta fraude

Além de Lindberg Farias, outras sete pessoas foram denunciadas. Segundo Ministério Público, ele contratou empresa credora de campanha eleitoral.

A Procuradoria-Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro denunciou nesta segunda-feira (23) o prefeito de Nova Iguaçu, Lindberg Farias e mais sete pessoas por suposto crime de fraude em licitação.

A denúncia se refere a um contrato de 2005 entre a prefeitura e uma empresa de publicidade que, segundo o Ministério Público (MP), era credora de campanha de Lindberg. Procurada pelo G1, a prefeitura de Nova Iguaçu ainda não se manifestou.

De acordo com o MP, além do prefeito, foram denunciados André Luiz Ceciliano, então secretário de Governo, Jayme Orlando Ferreira, Janaína da Conceição Gomes dos Santos Silva e Marília de Oliveira Machado, que na época eram, respectivamente, presidente e membros efetivos da Comissão de Licitação de Nova Iguaçu; e Carlos Marcos Colonnese, Francisco de Oliveira Junior e Alexandre Paschoa Monteiro, sócios da empresa Supernova Mídia e Comunicação.

MP diz que empresa beneficiada era credora do prefeito
Em nota, o Ministério Público diz que Lindberg determinou, em 2005, pouco após sua posse, a realização de uma licitação, em caráter emergencial, para a prestação de serviços de publicidade no valor aproximado de R$ 600 mil.

Segundo as investigações do MP, a licitação teria violado dispositivos legais e teria sido feita para favorecer a empresa Supernova, que era credora de Lindberg em R$ 250 mil pela prestação de serviços durante a campanha eleitoral de 2004.

“O Ministério Público só não pediu a prisão preventiva dos acusados por não ser possível nesse tipo de crime, que é punido com detenção de dois a quatro anos. Se condenados, o prefeito e o presidente da Comissão de Licitação do Município poderão ter suas penas aumentadas por terem comandado a atividade criminosa dos demais acusados”, diz trecho da denúncia.

Caso pode ir para o TRE
No documento, a procuradoria diz ainda que a denúncia poderá ser utilizada na Justiça Eleitoral para a impugnação da candidatura à Prefeitura de Nova Iguaçu, caso Lindberg tente se reeleger.

Lindberg e os integrantes da Comissão de Licitação de Nova Inguaçu estão com seus bens indisponíveis, por decisão da Justiça, a pedido do Ministério Público.

G1


Nova Iguaçu ficou abandonado nessa administração municipal, diversas empresas que geravam empregos para a comunidade, fecharam as portas ou foram para outras localidades devido a guerra fiscal existente atualmente. O prefeito não teve a capacidade de negociar, oferecer incentivos para que os empresários se interessassem em investir no município que fica numa região estratégica de fácil escoamento de produção. Faltou maturidade e Responsabilidade de pessoa séria!!

Cofre Aberto

PSDB contesta medida provisória que libera crédito de R$ 1,8 bilhão

O PSDB entrou com uma Adin (ação direta de inconstitucionalidade) no STF (Supremo Tribunal Federal) contra a medida provisória que abriu crédito extraordinário de R$ 1,8 bilhão para diversos órgãos do governo. A ação pede a suspensão liminar da MP. O relator é o ministro Carlos Ayres Britto.

Segundo o PSDB, os requisitos constitucionais para edição de MP para criar crédito extraordinário não foram respeitados. O parágrafo 3º do artigo 167 da Constituição Federal diz que o crédito extraordinário somente pode ser aberto por MP para "atender a despesas imprevisíveis e urgentes, como as decorrentes de guerra, comoção interna ou calamidade pública".

Tucanos afirmam que a MP abriu crédito extraordinário para atender a "despesas correntes e previsíveis". Para eles, a medida destina recursos para a elevação da participação da União no capital de empresas, para despesas decorrentes de tratados internacionais, para a locomoção de servidores e de colaboradores para realização de vistoria técnicas, para assessoramento e acompanhamento de estudos sócio-ambientais, entre outros.

Folha Online

O Lula é o campeão de MP, mas essa bateu o recorde, R$ 1,8 bilhão é muito dinheiro para ser liberado em ano eleitoral, tá muito estranho!!!

domingo, 22 de junho de 2008

Charge da Semana

sábado, 21 de junho de 2008

Cancelado o pedido de impeachment contra Yeda

O presidente da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul, Alceu Moreira (PMDB), decidiu arquivar, no final da tarde desta sexta-feira, o pedido de impeachment da governadora Yeda Crusius (PSDB). O deputado, que é aliado de Yeda, não consultou a Mesa Diretora para engavetar o requerimento que foi apresentado, na semana passada, pelo PSOL e pelo PV.

No pedido, os dois partidos, que não têm representação no Legislativo gaúcho, afirmam que há evidências de que a governadora cometeu crime de responsabilidade na fraude que desviou R$ 44 milhões do Detran. O escândalo gerado pela fraude no Detran provocou uma crise política que derrubou quatro integrantes do primeiro escalão da tucana.

"Do ponto de vista jurídico não há fato determinado para pedir o impedimento, do ponto de vista político não há lógica, uma governadora legitimamente eleita não pode ser cassada por uma mera desconfiança. Como não há fundamentação lógica, arquiva-se", disse Moreira para justificar o arquivamento.

Ele afirmou que o regimento da Casa lhe dá poderes de arquivar a representação sem discutir com a Mesa ou com o plenário. Segundo ele, a falta de um fato jurídico determinado consistiria no pedido ter se baseado em depoimentos à CPI do Detran, que só deve encerrar seus trabalhos oficialmente em 3 de julho.

A oposição à tucana criticou a atitude do presidente da Assembléia. "Ele deveria ter pelo menos consultado a Mesa e os líderes da bancada, e não decidido sozinho numa sexta à tardinha [quando a maioria dos deputados já está fora da Casa]", afirmou o petista Fabiano Pereira, que preside a CPI do Detran.

Folha Online

É impressionante a cara-de-pau dos parlamentares gaúchos, o pedido de impeachment contra a governadora Yeda foi negado mesmo com as divulgações das denúncias de corrupções feitas pelo seu Vice. É por isso que as pessoas estão ficando desacreditadas com a Política, tudo acaba em Pizza mesmo. A Gorvenadora vai levar o Troféu Óleo de Peroba do ano. Infelizmente a POLITICAGEM corre solto no Rio Grande do Sul.

sexta-feira, 20 de junho de 2008

O Amor...

A tarefa mais difícil é aprender a esquecer quem aprendemos a gostar.
Em matéria de amor, o silêncio vale mais do que a fala.
Amor é um não-sei-quê, que surge não sei de onde, e acaba não sei como.
Quem não ama demais não ama o bastante.
Ninguém vale nada enquanto não foi amado.
Nunca devemos julgar as pessoas que amamos. O amor que não é cego, não é amor.
Lutar pelo amor é bom, mas alcançá-lo sem luta é melhor.
O fundo de uma agulha é bastante espaçoso para dois namorados; mas o mundo todo é pequeno para dois inimigos.
No homem, o desejo gera o amor. Na mulher, o amor gera o desejo.

Brandião

Por que os livros são caros no Brasil?


Essa pergunta foi feita pelo blog Marginal Revolution (Why are books so outrageously expensive in Brazil?). Algumas possíveis respostas que o blog apresenta:

a)Muitos brasileiros não lêem. Baixa demanda, preço alto é a lei da economia.
b)A rede de comercialização é pouco eficiente.
c)A língua portuguesa não ajuda. O português de Portugal é diferente do Brasil.
d)A moeda brasileira está valorizada no momento.

Apesar do preço de muitos livros no Brasil ser relativamente baixo, tenho que concordar com o site. Atualmente, metade do preço de venda fica na livraria (se for uma livraria de shopping, o percentual é de 60%).

Um motivo para visitar o Paraguai

Onde o preço da cerveja é mais alto e mais baixo

Leis Estranhas

Eis algumas leis curiosas a respeito de sexo, que, acredite ou não, estão em vigor em algumas cidadezinhas do interior dos Estados Unidos.

Em uma cidade do Wisconsin, é proibido disparar arma de fogo enquanto o parceiro está tendo um orgasmo.
Em Alexandria, Minnesota, é proibido beijar com hálito de cebola, alho ou sardinha.
Numa cidade da Pensilvânia, é proibido fazer sexo oral usando batom baixa qualidade.
Em uma cidadezinha do interior de Montana, é terminantemente vedado fazer sexo no jardim em frente de casa. E em outra, a proibição se refere ao sexo no interior de ambulâncias. Quem desobedecer a esta última terá como pena a publicação de seu nome no jornal da cidade.
No Dakota do Sul, as camas de hotéis devem ser afastadas 60 centímetros uma da outra, sendo proibido fazer sexo nesta distância que as separa.
Uma lei californiana proíbe as pessoas de descascar laranjas em quartos de hotel.
Na cidade de Natchez, no Missouri, uma lei proíbe os elefantes de tomar cerveja.
Na mesma linha zoológica, uma lei de Michigan estabelece que os crocodilos não podem ser amarrados a hidrantes.
E outra, de Minessota, determina que um homem ao deparar-se com uma vaca deve tirar o seu chapéu (o seu, não o da vaca).

Mercado para profissionais de contabilidade

Mercado aquecido para futuros contabilistas

A adequação da contabilidade brasileira aos padrões internacionais e a intensificação da abertura de capital das empresas indicam uma nova realidade para quem atua ou planeja ingressar na área contábil.

Segundo os especialistas, o segmento sofrerá uma explosão na demanda de profissionais, em resposta às necessidades de informação para a tomada de decisões nos negócios internacionais, tendo em vista a crescente globalização da economia.

“Sairá na frente quem tiver a qualificação para atender aos requisitos, entre eles domínio do idioma inglês e conhecimento do novo padrão internacional de práticas contábeis”, destaca Ronaldo Fróes, coordenador do curso de Ciências Contábeis da Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (Fecap), entre outros aspectos.

Felizmente, a visão que se tinha do contador de uma figura que só cuida da burocracia fiscal, para atender ao governo está acabando. “Ele cria ferramentas importantes para o plano de gestão das empresas, garantindo a sua sustentabilidade num mercado cada vez mais competitivo”, diz Elaine Varella, sócia da Trevisan Outsourcing. Por isso, é importante que tenha a noção da nova dimensão da profissão e se atualize para ter sucesso na carreira.

O Estado de São Paulo

Evidenciação de gastos com políticos

Uma empresa de capital aberto deve divulgar os valores que contribuiu com políticos e partidos políticos? Alguns partidários da evidenciação dessas empresas acreditam que sim. Além disso, a empresa deveria explicar os motivos das doações. Entretanto, a evidenciação dessa informação é muito pobre.

Esse debate sobre a divulgação dessas informações está ocorrendo nos Estados Unidos, onde a cultura da transparência das informações é maior (e onde a política aparentemente está mais avançada em termos da clareza dos objetivos defendidos pelos políticos e seus partidos).

CFO.com

É uma tendência???

Revolução Contábil


Com a discrição que lhes é peculiar, os contadores prepararam uma revolução. Ela já está em curso desde o primeiro dia do ano, quando entrou em vigor a Lei 11.638, que reforma a parte contábil da Lei das Sociedades por Ações, de 1976.

Não se engane, não é mais um calhamaço de regras esotéricas. É um coquetel molotov que promete "reinventar a profissão", nas palavras de Nelson Carvalho, o representante brasileiro no Conselho de Normas Internacionais de Contabilidade (Iasb, na sigla em inglês), a entidade com sede em Londres responsável pela nova ordem mundial das demonstrações financeiras.

A invocação "contadores do mundo, uni-vos" pode ser ouvida pelos quatro cantos do planeta e agora também em qualquer seminário perto de você. Sim, são vários, especialmente das firmas de auditoria e consultoria que se preparam para um ano de muito trabalho e honorários.

Só a BDO Trevisan, sociedade do empresário Antoninho Marmo Trevisan com a multinacional BDO, planeja nada menos que 100 neste ano. Na segunda-feira, a empresa lança seu "guia de bolso" para a lei, intitulado "Uma revolução na contabilidade das empresas". Dois dias depois, a Trevisan Escola de Negócios promove um curso intensivo de contabilidade internacional com foco em IFRS - sigla em inglês para as normas internacionais de informações financeiras.

Imagine que as suas concorrentes, principalmente as chamadas "quatro grandes" - Deloitte, Ernst & Young, KPMG e PwC - também estejam cheias de planos para o futuro e teremos o ano recorde para a locação de auditórios.

Mas centenas de seminários não vão evitar que o ano seja "uma bagunça", como previu um acadêmico durante um dos muitos encontros realizados nos últimos meses para discutir o assunto. Ele não se referia só às mudanças visíveis, como a troca de um conjunto de contas por outro e pontos polêmicos como marcação de ativos pelo valor mercado. A confusão se dará por uma mudança radical na postura de quem faz os balanços. Essência sobre a forma, este é o mantra entoado pelos gurus da nova religião contábil.

Não se trata de uma tarefa simples mudar a maneira como pensam auditores, contadores e acadêmicos para que adotem o "subjetivismo responsável", termo criado por Sérgio de Iudícibus, professor aposentado pela Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo.

O tempo do "check list" acabou, dizem os arautos da revolução que vem sendo tramada desde o começo da década de 90 - e, depois de várias várias concessões, foi aprovada no fim de 2007. Não basta cumprir as regras, "consultar os papeizinhos com fórmulas no bolso", segundo Nelson Carvalho, que, além de membro do Iasb, também é professor da USP. Mais poder e responsabilidade para os contadores, quase uma redenção de uma categoria sempre relegada ao segundo plano nas decisões empresariais.

Mas a "harmonização" com os países que usam as regras internacionais (entre os quais, diga-se, não estão os Estados Unidos, o principal mercado de capitais do mundo) não é exatamente harmônica entre os profissionais brasileiros. Olívio Konder, professor da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, diz que a nova lei desrespeita os princípios fundamentais da contabilidade e defende uma nova reforma contábil. Antônio Lopes de Sá, mentor de uma corrente chamada "neopatrimonialismo" e conhecido por sua prolífera produção literária, tem vários artigos na sua página na internet desancando a harmonização das regras contábeis.

Valor Econômico

Fique de Olho....

"Justiça eleitoral terá acesso a extratos bancários de campanhas"

Medida aprovada pelo TSE (Tribunal Superior Eleitoral) nesta quinta-feira (19) vai permitir que a Justiça tenha acesso aos extratos bancários eletrônicos das contas abertas para campanha eleitoral. A norma tem como objetivo evitar fraudes nas prestações de contas e também valerá para a movimentação financeira dos diretórios dos partidos políticos.

De acordo com os ministros, o procedimento dará mais confiabilidade aos dados, já que os extratos terão como origem uma fonte oficial. Antes os extratos eram entregues pelos próprios candidatos e comitês, em papel.

Um convênio que será firmado entre o TSE e o Banco Central vai viabilizar o acesso informatizado. De acordo com a nova regra, os bancos devem enviar os dados para o Banco Central em até cinco dias úteis depois de encerrado o prazo de entrega da prestação de contas. A partir daí, o Banco Central fica encarregado de fornecer o acesso à Justiça.

A nova regra ainda deve ser transformada em resolução pelo TSE e atende a uma resolução do TCU (Tribunal de Contas da União) a respeito das prestações de contas.

Folha Online

"AS MUDANÇAS NO CAPITALISMO PEGARAM A ESQUERDA NO CONTRAPÉ!"

"A estrutura social mudou muito. Assistimos ao declínio da noção de classe como fator identidário. Ao mesmo tempo, a classe operária deixou de ser uma força homogênea capaz de atual como motor das mudanças sociais. As mutações do co capitalismo pegaram a esquerda no contrapé. E esta se move um terreno duplamente ambíguo. No social sente que seu solo é movediço : as elites urbanas mais preparadas para as exigências de progresso, comumente abandonam a esquerda. No terreno ideológico, a esquerda se move entre a aceitação incondicional do paradigma liberal e a defesa de sua herança mais sólida: o Estado do Bem Estar. Construir uma via nova a partir destas duas bases significa recuperar a iniciativa de mudança, sintonizando-se com os setores sociais que podem devolver à política, a capacidade normativa que agora está nas mãos financeiras. "

Trecho do artigo de Josep Ramoneda em El País: "Há uma via à esquerda?"

quarta-feira, 18 de junho de 2008

SER OTIMISTA...







Tenha a convicção de que Deus está no controle de tudo.

Não tenha medo de situações novas.

Tire proveito das dificuldades.

Não escute palavras de desânimo e dúvida.

Lembre-se de que você próprio é uma solução.

Esteja se fortalecendo interiormente cada manhã.

A nossa visão da vida determinará o nosso sucesso ou fracasso.

Seja então dos que acreditam, e se esforçam e vencem.

Cultive pensamentos positivos e promissores,
eles contribuirão para o seu sucesso pessoal.

Pense no melhor, fale no melhor, trabalhe sempre para o melhor.

Espere somente o melhor...

Deus gosta dos que não recuam.

By Wilson Roberto de Rezende.´.

POR QUE O EXÉRCITO DEVE SAIR DO MORRO DA PROVIDÊNCIA!

1. Independente de estar servindo a um projeto eleitoral (e para isto basta entrar no youtube e ver o Cimento Social) e mesmo tendo sido o responsável do exército pelo programa informado diretamente pelo prefeito do Rio que afirmou que como o exército não era ingênuo ele entendia isso como determinação superior... a razão de fundo para a não permanência do exército não tem a ver com este programa.

2. A presença do exército é percebida (percebida, sublinhe-se) pela população como garantidora da lei e da ordem. A autoridade maior do país nesse sentido. Assim, a população vê e admira o exército brasileiro. Quando da busca de armas roubadas do exército, os traficantes de cima do Morro da Providência zombaram da patrulha do exército embaixo. As TVs mostraram. Foi dito que eles não estavam ali para fazer repressão aos traficantes mas para recuperar as armas, coisa que conseguiram depois, em outro local.

3. Com a entrada do exército dando apoio ao programa cimento social do Bispo-Senador, no início os soldados foram usados para as pequenas obras de pintura, dentro de um programa tradicional do exército, o Aciso -ação cívico-social- que já fizeram em várias comunidades do Rio, em geral em programas de saúde.

4. Progressivamente, trabalhadores foram assumindo as funções e o exército ficou dando cobertura. Neste momento estavam -na percepção dos moradores- cumprindo uma função policial. Assim eram percebidos. Dizia-se que as imagens feitas pela equipe do Senador-Bispo e que seriam divulgadas em campanha eleitoral, mostravam isso. E no script desenhado, dizem que ele viria afirmando: -Vou levar este programa a toda a cidade. E então a câmera abriria e apareceriam soldados do exército. E o Bispo-Senador, arremataria: - E você sabe por quê!

5. No entanto, durante toda a permanência do exército no Morro da Providência, o tráfico de drogas não parou. O Comando Vermelho continuou atuando no morro, guardando apenas a ostensividade quando perto de soldados. Na parte de baixo do morro o tráfico de drogas continuava a correr solto.

6. A saída do exército de lá não significa perda de autoridade. A permanência dele sim, significa perda de autoridade. Ou assume uma função policial e varre dali o tráfico de drogas, ou para de fazer coreografia confundindo os moradores sobre as razões de estar lá com o Comando Vermelho pintando e bordando e mantendo as aparências -em casos de proximidade- quanto a ostensividade.

7. Só podia dar no que deu! É tempo de reconhecer o erro e sair! Enquanto é tempo!

Cesar Maia

terça-feira, 17 de junho de 2008

Pérola da Política


Em Barra do Gargas (MT), o prefeito sancionou a Lei 1840, de 5 de setembro de 1995, que "cria a reserva da área para aeródromo de pousos de OVNIs (Objetos Voadores Não-Identificados), Discos Voadores e da outras providências", com o seguinte conteúdo:

Art. 1. Fica reservado na Serra Azul, ramal da Serra Mística do Roncador, uma area de 05 ha (cinco hectares), a ser oportunamente delimitada, para construção futura de um Aeródromo Inter-Espacial.
Art. 2. Esta lei entra em vigor na data de sua publicação.
Art. 3. Revogam-se as disposições em contrário.

Barra do Gargas, 5 de setembro de 1995
Wilmar Peres de Farias
Prefeito Municipal

Foi destaque até na Argentina

Las muchas cruces que padecen las favelas de Río

El pasado fin de semana tres jóvenes moradores de la favela del Morro da Providencia, en pleno centro de Río, fueron entregados por militares del Ejército a una banda rival, del vecino morro de la Mineira. Los militares actúan en la Providencia desde el pasado mes de diciembre para asegurar la implantación de un programa del gobierno federal destinado a mejorar la calidad de vida de sus moradores. Los tres aparecieron muertos en un basural en los suburbios. Un teniente, tres sargentos y siete soldados fueron denunciados a la Justicia. Es la primera vez que militares del Ejército son sorprendidos cuando entregaban moradores de una favela para ser juzgados y muertos por narcotraficantes de un grupo de otro morro. Hasta ahora, sólo se habían detectado casos de desvíos de armas y municiones de militares a traficantes. Se trata de un caso aislado, pero que abre una nueva –y pesada– amenaza a los habitantes de las favelas de la ciudad.

Página/12

segunda-feira, 16 de junho de 2008

Tiro no Pé

O presidente Lula admitiu nesta segunda-feira, em São Paulo, que o controle da inflação, a qualquer custo, é a prioridade do governo, nesta travessia de 2008. O problema é que há um pensamento único, aqui nos gabinetes de Brasília, segundo o qual só o aumento dos juros é capaz de conter o aumento dos preços, por redução do crédito, do consumo, da produção, do emprego e do salário.

Cá entre nós, como é que um novo aumento dos juros no Brasil pode combater uma inflação que, segundo o presidente Lula, vem lá de fora, na explosão especulativa dos preços de petróleo, minérios e alimentos?

Também não sabemos como os juros podem combater, além dos caprichos do mercado, também ao azares do clima.

O que sabemos é que juros no alto e em alta, já em overdose, inflacionam ainda mais os custos financeiros da produção e do consumo.

É um tiro no pé.

Joelmir Beting - 16/06/2008

Emenda Parlamentar = Mensalão


Emenda parlamentar é outra forma de mensalão. Este artifício está sendo muito utilizado para que os deputados e senadores votem favorável ao governo. E com isso, muitos recursos estão sendo liberados de qualquer maneira, o governo promove uma verdadeira "libertinagem financeira" com as prostitutas parlamentares.


Tá certo que podemos identificar as necessidades locais no que diz respeito a saneamento básico, combate à mortalidade infantil, e melhorias na saúde e na educação, propondo a destinação de recursos para os municípios com a maior necessidade. Mas infelizmente isto não é feito, as prostitutas votam a favor do governo, e levam o dinheiro para o seu curral eleitoral, sem nenhum critério. É um verdadeiro mensalão legalizado.

Dando de ombros para os escândalos de corrupção o governo compra os votos em plena luz do dia. É difícil saber exatamente quanto o governo gasta com este mensalão legalizado. Sabe-se, contudo, que os gatos estão na casa dos bilhões.

A bondosa liberação de emendas orçamentárias irrita a oposição no Congresso, e os adversários ganharam mais um motivo para acirrar a batalha com o governo no Ano das eleições.

A forma que foi escolhida pelo presidente Lula para estruturar a base governista nunca levou a questão ética e moral como algo fundamental, isso é um exemplo claro de que esses conceitos não são preocupações morais para Lula e sua trupe. O que vale é o objetivo final. Prudência e canja de galinha não fazem mal a ninguém, mas não sei se o governo tem tomado essa canja…

A melhor coisa que o Parlamento poderia fazer é acabar com as emendas individuais. Isso melhoraria muito as relações com o Executivo, é notável que, na tentativa de aprovação da CSS, o governo gaste muito nas liberações individuais e coletivas. Só em dezembro de 2007, foi liberado R$ 2,7 bilhões.

Infelizmente o mensalão não acabou, ele mudou de nome!!

E viva o Beltrame


A cidade partida pelo tráfico e pela indiferença das autoridades não será unificada só pela polícia, mas a retomada desses territórios só se dará se, junto com segurança, vierem saúde, educação, saneamento e cidadania. O delegado da Polícia Federal, o gaúcho de Santa Maria José Mariano Benincá Beltrame, 49 anos, justamente o homem que carrega, desde do início do governo Cabral, a estrela de xerife do faroeste carioca.

O Rio chegou a um ponto que infelizmente exige sacrifícios. É difícil de aceitar, mas, para acabar com o poder de fogo dos bandidos, vidas terão que ser dizimadas. A política de confronto adotada pelo Beltrame, é necessária. Ao longo dos tempos, as quadrilhas se fortaleceram a tal ponto que hoje têm a audácia de abanar armas para a polícia. Quando os policiais entram numa favela, os bandidos resolvem encará-los e fazem um estrago terrível. Mas, se não reagir agora, nos próximos anos vão morrer mais. E, se esperarmos por mais tempo, vamos perder mais vidas, e assim sucessivamente. É uma guerra, e numa guerra há feridos e mortos. A capital fluminense tem 759 favelas cadastradas, a quase totalidade controlada por traficantes ou, em menor número (cerca de 70), por milícias de policiais, 300 delas representam um perigo real e estão dentro do território dominado pelo poder paralelo. Dessas 300, algumas são consideradas estratégicas, não só pela violência das facções que a dominam, mas pelo poderio bélico e pela força no mercado atacadista da droga. Qualquer ação tem que ser feita depois de um planejamento. E é essa política que esta dando certo, a política do confronto!!

Mas infelizmente a promessa feita em campanha de valorização do policial carioca ficou para trás, o Governador esquece que a Média de todas as 27 Polícias Militares do Brasil é de R$ 1.342,40. O Salário do Soldado da PMERJ é de R$ 542,40 abaixo da média nacional. A Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro já está em 27º (último lugar).

Corporação / Salário de Soldado PM

1. Polícia Militar do Distrito Federal - R$ 3.200 (vai para R$ 3.618)
2. Polícia Militar do Estado do Amapá - R$ 1.770
3. Polícia Militar do Estado de Goiás - R$ 1.745
4. Polícia Militar do Estado do Paraná - R$ 1.700
5. Polícia Militar do Estado de Santa Catarina - R$ 1.600
6. Polícia Militar do Estado do Amazonas - R$ 1.546
7. Polícia Militar do Estado de Mato Grosso do Sul - R$ 1.500
8. Polícia Militar do Estado de Alagoas - R$ 1.487
9. Polícia Militar do Estado de Tocantins - R$ 1.455
10. Polícia Militar do Estado de Minas Gerais - R$ 1.332
11. Polícia Militar do Estado da Bahia - R$ 1.264
12. Polícia Militar do Estado de Rondônia - R$ 1.251
13. Polícia Militar do Estado de São Paulo - R$ 1.240
14. Polícia Militar do Estado do Espírito Santo - R$ 1.237
15. Polícia Militar do Estado de Roraima - R$ 1.201
16. Polícia Militar do Estado do Maranhão - R$ 1.200
17. Polícia Militar do Estado de Acre - R$ 1.200
18. Polícia Militar do Estado do Ceará - R$ 1.147
19. Polícia Militar do Estado de Mato Grosso - R$ 1.114
20. Polícia Militar do Estado do Rio Grande do Norte - R$ 1.111
21. Polícia Militar do Estado de Sergipe - R$ 1.111
22. Polícia Militar do Estado da Paraíba - R$ 1.080
23. Polícia Militar do Estado do Pará - R$ 1.015
24. Polícia Militar do Estado do Piauí - R$ 1.000
25. Brigada Militar do Rio Grande do Sul - R$ 965
26. Polícia Militar do Pernambuco - R$ 900
27. Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro - R$ 800

Para atingir a média nacional, o reajuste salarial teria que ser de 67,8%. O Estado de 2ª maior arrecadação tem uma Polícia Militar com o pior salário do país.

Só depende do Sérgio Cabral!
A PMERJ não merece ficar com o pior salário do país.

domingo, 15 de junho de 2008

Dólar e crédito parcelado levam classe C para o exterior


O tango e a neve, além do forró e das praias nordestinas, já começam a fazer parte dos planos de viagem da classe C. O dólar - cada vez mais barato para o bolso do brasileiro, somado às ofertas do parcelamento - atrai uma nova camada da população para as viagens internacionais. São turistas que muitas vezes conhecem os destinos populares do Nordeste, como Porto Seguro, na Bahia, e algumas capitais, mas nunca imaginaram ir para o exterior.O tango e a neve, além do forró e das praias nordestinas, já começam a fazer parte dos planos de viagem da classe C. O dólar - cada vez mais barato para o bolso do brasileiro, somado às ofertas do parcelamento - atrai uma nova camada da população para as viagens internacionais. São turistas que muitas vezes conhecem os destinos populares do Nordeste, como Porto Seguro, na Bahia, e algumas capitais, mas nunca imaginaram ir para o exterior.

Estadão.com.br

Eles estão confiantes na vitória

La punta no debe cambiar de color

La Albirroja enfrenta esta tarde uno de sus retos más trascendentes en las presentes eliminatorias, como lo es, sin dudas, el partido ante Brasil, que se iniciará a las 15:00, en el estadio Defensores del Chaco. Líder, invicto, con la fe sustentada por todo un país, la selección paraguaya se apresta a seguir escribiendo las páginas más gloriosas, como será una victoria ante el rival de mayor jerarquía en el selectivo sudamericano que otorga cuatro plazas directas para el Mundial que dentro de dos años se hará en ciudades de Sudáfrica.

Veja na íntegra: ABC Digital

Por CSS, governo liberou R$ 328,6 mi em emendas

Só na última semana de maio, liberaram-se R$ 98 mi
Entre 2 e 11 de junho, dia da votação, mais R$ 92 mi
Maiores beneficiados foram os governistas PMDB e PT
As verbas constam de ‘empenhos’ registrados no Siafi



É impressionante as atitudes tomadas pelo governo Lula, existe uma informação divulgada pelo blog do Josias de Souza de que durante todo o mês de maio e os primeiros 11 dias de junho, o planalto empenhou R$ 324 milhões em emendas injetadas no Orçamento pelos parlamentares. As prostitutas parlamentares estão se vendendo para votarem favorável a CSS.

É muita verba sendo liberada, só em maio foi de R$ 236,6 milhões, sendo que na última semana do mês, quando os debates sobre a CSS estavam a toda na Câmara, R$ 98 milhões foram liberados. Já em junho, entre os dias 2 e 11 (dia da votação), mais R$ 92 milhões.

O Planalto afirma que o lote de emendas não tem relação com a CSS. Entretanto, as legendas mais beneficiadas são as mesmas da base governista, ou seja, dos que votaram favoravelmente à CSS. Caso do PMDB, que recebeu R$ 25,6 milhões e do PT, com R$ 16,2 milhões.

Partidos que receberam Emendas:

PMDB: R$ 25,6 milhões;
PT: R$ 16,2 milhões;
PR: R$ 6,7 milhões;
PSB: R$ 5,9 milhões;
PP: R$ 3,7 milhões;
PSDB: R$ 3,5 milhões;
PTB: R$ 2,8 milhões;
PMN: R$ 2,8 milhões;
PV: R$ 2,65 milhões;
PDT: R$ 1,8 milhão;
PPS: R$ 1,2 milhão;
DEM: R$ 998 mil;
PCdoB: R$ 995 mil;
PTdoB: R$ 988 mil;
PHS: R$ 300 mil;
PSC: R$ 243,7 mil;
PSOL: R$ 100 mil;
PRB: R$ 79,5 mil.

Leia a matéria completa no blog do Josias

OBS.: A emenda parlamentar é muito utilizada pelos políticos, principalmente no orçamento.
Funciona mais ou menos assim: o político faz um favor para o governo, por exemplo, vota a favor de um projeto e em troca se faz uma emenda para liberar mais dinheiro para esse político levar recursos para o curral eleitoral dele.
É o tal do "toma lá.. dá cá!"

sábado, 14 de junho de 2008

Lula x Senado


O cinismo do governo é grande. Não para de sugar e apertar aonde for possível para arranjar dinheiro. Conseguir dinheiro é a meta do governo em 2008 para compensar o rombo de 40 biliões de reais. Além dos cortes, aumento de impostos. Isso mesmo, aumento de impostos. São taxas e mais taxas para serem reajustadas e, com certeza, repassadas ao consumidor, como eu e você. O que preocupa o governo é a possibilidade de o Senado rejeitar o texto aprovado pela Câmara e restabelecer a versão original, do senador petista Tião Viana (AC). Essa versão, que já foi aprovada pelos senadores no início do ano, não fala em imposto do cheque e obriga a União a destinar 10% de suas receitas para a Saúde até 2011. O aumento é gradual, mas este ano já significaria gastos extras entre R$ 6 bilhões e R$ 8 bilhões.

Se o Senado trouxer de volta o seu projeto, o cenário será desastroso para o presidente Luiz Inácio Lula da Silva. Ele terá de aumentar os gastos sem contar com nenhuma fonte nova de recursos e ainda amargará uma derrota política. Para o governo, é melhor não votar. E é isso que o Planalto articula nos bastidores.

O texto aprovado pela Câmara diz que a CSS só começará a ser cobrada em 1º de janeiro de 2009. Portanto, não adianta nada ao governo ter pressa na votação. Melhor ganhar tempo, deixar passar o clima eleitoral e tentar acordos. Isso não pode ser feito às claras porque os senadores já se comprometeram com o aumento de verbas para a saúde. O Planalto informou seus líderes que garantirá para a Saúde R$ 6 bilhões além do que está no Orçamento deste ano. Na prática, o investimento para 2008 seria o mesmo que com a aprovação do projeto. O governo avalia que, se não tem votos para aprovar a CSS, pelo menos tem o número necessário para impedir a votação de um projeto que contrarie seus interesses.


Cronologia do tributo

1993

É criado o Imposto Provisório sobre Movimentação Financeira (IPMF), com alíquota de 0,25%. O tributo, no entanto, cumpriu o caráter provisório e acabou em dezembro de 1994.

1996

Sob a justificativa de criar uma fonte de recursos destinada à área de saúde, o governo FHC cria a Contribuição Provisória sobre Movimentação Financeira. O tributo passa a vigorar no ano seguinte com alíquota de 0,2%.

1999

Em junho, a CPMF é prorrogada pela primeira vez e sua cobrança autorizada pelo Congresso até 2002. Durante as discussões, o governo reajusta a alíquota para 0,38%, alegando que o excedente seria utilizado para reduzir o déficit da Previdência Social. Como tributo provisório, a CPMF é prorrogada outras duas vezes.

2007

O governo Lula sofre uma das maiores derrotas políticas no Senado e não consegue aprovar a proposta de prorrogação do imposto do cheque. Assim, desde dezembro do ano passado, os governistas estudam uma forma de recuperar a arrecadação perdida com o fim do tributo e discutem formas de garantir recursos para a saúde.

2008

Depois de fechar um acordo para retomar as discussões da Emenda 29, que amplia os investimentos no setor, o governo decide aproveitar o cenário favorável à proposta e discutir a possibilidade de incluir no texto a criação de uma nova CPMF como fonte de financiamento dos projetos previstos na emenda.


O Peso da Carga Tributária
Com CPMF, alguns programas não estariam na 'gaveta'

sexta-feira, 13 de junho de 2008

Intolerância Religiosa

O que as igrejas e a justiça precisam aprender a discernir realmente é a intolerância religiosa e o abuso religioso. Instituições que se dizem religiosas muitas vezes usam essa fachada e brecha da lei para escravizar pessoas menos instruidas e captar verbas abusivas para uso de uma minoria. Outra coisa é o respeito as pessoas quanto ao barulho infernal que as igrejas em geral fazem, não é preciso gritar e cantar tanto e tão alto para perturbar as pessoas que não acreditam em religião ou são de outras religiões. Hoje é comum abrir uma igreja em uma garagem com um mínimo de condição, colocar um som altíssimo e perturbar a vizinhança e depois achar que estão sendo vítimas de preconceito ou intolerância religiosa. As religiões deveriam primeiro aprender a respeitar o direito dos outros e as diferenças entre as próprias religiões para depois cobrarem “Intolerância Religiosa”, ninguém aguenta o fanatismo e a utopia pregada em “templos” sem credibilidade e administrados muitas vezes por pessoas altamente questionáveis como ex-bandidos, ex-criminosos, etc Como se tem visto. As religiões precisam saber que quanto se expõe uma idéia, podem não ser aceitos ou questionados.

Charge da Semana


IBGE: grandes empresas admitem mais e pagam menos


O salário médio por trabalhador das grandes empresas (com 250 ou mais pessoas ocupadas) diminuiu, entre 2000 e 2006, de 4,7 salários mínimos mensais para 3 salários mínimos mensais, de acordo com a Pesquisa Anual do Comércio (PAC) divulgada hoje pelo IBGE. Apesar da redução nos salários pagos, a média de pessoal ocupado das grandes empresas aumentou no período, passando de 1.084, em 2000, para 1.145, em 2006.

Em 2006, havia no Brasil 1.066 grandes empresas no setor comercial, respondendo por 0,1% do total de empresas, proporção que foi a mesma apurada em 2000.

No comércio varejista, que lidera o número de grandes empresas no total do comércio, as grandes empresas de hipermercados e supermercados foram o destaque entre as atividades, em termos de pessoal ocupado e de pagamento de salários, retiradas e outras remunerações nos dois anos analisados.

Portal EXAME

Extinção de foro privilegiado não tem data para ir a plenário


A proposta que acaba com o foro privilegiado para todas as autoridades brasileiras ainda não entrou na pauta da Câmara. O texto promete que a Justiça local processe as autoridades, mas apenas depois da autorização do próprio Supremo. Assim, há quem diga que a proposta não faz mudanças efetivas, já que a classe política continua protegida. O relator do projeto nega, e afirma que se trata de um basta na impunidade. A reportagem é de Caiã Messina.

Band News FM


Enquanto isso os crimes cometidos pelos parlamentares continuam sem condenação.

É muita Cara de Pau...


Mesmo com vários escândalos envolvendo a família Garotinho, a ex-governadora Rosina irá anunciar pré-candidatura à prefeitura de Campos. Cadê o Tribunal Regional Eleitoral (TRT) para embarreirar esta candidatura????

http://www.estadao.com.br/nacional/not_nac189026,0.htm

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Ele não quer a CSS

Politicômetro

O politicômetro é um teste de opinião que o situa no campo das liberdades individuais e da relação entre o estado e a economia. Com a ajuda do sociólogo Alberto Almeida, VEJA preparou um questionário com vinte perguntas. Assim que terminar de respondê-las, você saberá a sua posição política em um quadrante que tem como eixos os extremos esquerda-direita e liberal-antiliberal.





OBS.: Se você for enquadrado(a) na Esquerda, este Blog não é o seu lugar.

Relação dos Deputados

Veja a relação dos Deputados do Estado do Rio que votaram a Favor e Contra a aprovação da Contribuição Social para a Saúde (CSS), o tributo que segue os moldes da extinta CPMF com a alíquota de 0,1% sobre as movimentações financeiras.

Votaram a Favor da Criação da CSS

Partido Comunista do Brasil (PC do B)
Edmilson Valentim

Partido da República (PR)
Dr. Adilson Soares
Neilton Mulim

Partido Democrático Trabalhista (PDT)
Brizola Neto

Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB)
Alexandre Santos
Eduardo Cunha
Fernando Lopes
Geraldo Pudim
Nelson Bornier
Solange Almeida

Partido dos Trabalhadores (PT)
Antonio Carlos Biscaia
Carlos Santana
Cida Diogo
Jorge Bitta
Luiz Sérgio

Partido Humanista da Solidariedade (PHS)
Felipe Bornier

Partido Progressista (PP)
Simão Sessim

Partido Republicano Brasileiro (PRB)
Léo Vivas

Partido Social Cristão (PSC)
Deley
Filipe Pereira
Hugo Leal

Partido Socialista Brasileiro (PSB)
Eduardo Lopes

Partido Trabalhista Brasileiro (PTB)
Pastor Manoel Ferreira

Partido Trabalhista do Brasil (PT do B)
Vinicius Carvalho


Votaram Contra a Criação da CSS

Democratas (DEM)
Ayrton Xerez
Rodrigo Maia
Rogerio Lisboa
Solange Amaral

Partido da República (PR)
Suely

Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB)
Andreia Zito
Otavio Leite
Silvio Lopes

Partido Democrático Trabalhista (PDT)
Arnaldo Vianna
Miro Teixeira

Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB)
Leonardo Picciani
Marcelo Itagiba

Partido Popular Socialista (PPS)
Leandro Sampaio

Partido Progressista (PP)
Jair Bolsonaro

Partido Socialismo e Liberdade (PSOL)
Chico Alencar

Partido Verde (PV)
Fernando Gabeira

Veja a relação Completa